Atraso e cancelamento de voos no Inverno: dicas para evitar e como proceder

O inverno nos Estados Unidos, Canadá e Europa, destinos prediletos dos brasileiros apaixonados pelo inverno nesta época do ano, costuma ser marcado por muitas nevascas, neblina e outras situações que costumam fazer com que os horários dos voos sejam instáveis e deixem os turistas inseguros e preocupados.  

A maioria dos atrasos e cancelamentos de voos acontece devido às condições climáticas desfavoráveis e manutenção de aeronaves. Outros motivos também podem ser problemas com a tripulação ou até mesmo o volume de ocupação do voo, devido ao excesso que pode tornar o embarque lento ou, até mesmo pela ocupação inferior a 30%, que pode levar a empresa aérea a reacomodar os passageiros em outro voo.  

Apesar de não ser possível controlar estes imprevistos, existem algumas dicas que você pode seguir para ter certeza que chegará ao seu destino a tempo, sem perder nenhuma conexão e evitando que sua viagem seja prejudicada por atrasos ou cancelamentos. Mas, caso o clima não esteja favorável, problemas e imprevistos podem acontecer mesmo durante viagens bem planejadas. A boa notícia é que existem algumas estratégias que você pode usar caso a mãe natureza conspire contra você!

Agendando o seu Voo

Agendando seu voo

Prefira voos mais cedo já que os atrasos tendem a acontecer de forma mais frequente à medida que o dia passa. Assim, planeje sua partida antes das 10h da manhã para aumentar suas chances de decolar no horário previsto.

Outra dica é avaliar o histórico deste voo específico. Se ele tiver um atraso em mais de 30% do tempo, repense e busque por outras opções de voos e horários, se possível. O mesmo pode ser feito com o histórico do próprio aeroporto também! Dedique ainda mais atenção a este ponto caso pretenda viajar em vésperas de feriados prolongados e datas festivas.

Além disso, prefira voos diretos! Cada conexão significa correr mais um risco para um voo atrasado ou perdido. Pagar um pouco mais para evitar conexões pode oferecer um pouco de paz de espírito para o turista. Afinal, cada novo embarque significa uma nova chance para o azar. Pense nisso!

Ao selecionar a sua companhia aérea, saiba que quanto maior, melhor! Priorize a companhia com a rota mais extensa em uma região específica. Faça uma pesquisa nos sites de busca e veja quais delas tem a maior quantidade de voos disponíveis, o que significa mais opções para solucionar problemas e imprevistos que possam ocorrer.  

Acompanhe seu Voo

Controle seu voo

Fique atento ao status do voo consultando sua reserva pela internet ou pelo telefone! Existem também alguns aplicativos (como o FlightAware) que oferecem esta informação em tempo real, praticamente garantindo que você será um dos primeiros a saber quando algum problema acontecer!  

No aeroporto, fique atento ao painel de informações e aos avisos sonoros. Se ocorrer algum imprevisto, o quanto antes você agir, maiores as chances de solucioná-lo! Ao chegar no balcão da sua companhia aérea antes dos demais passageiros, você aumenta suas chances de reacomodação. Lembre que a assistência oferecida pela companhia aérea costuma variar de acordo com o tempo de atraso, cancelamento ou preterição de embarque (casos de overbooking ou cancelamentos e atrasos que ocorreram por motivos de segurança). 

Se existe algum problema de atraso, o melhor local para aguardar por uma solução é no lounge da companhia aérea. Os agentes que permanecem no aeroporto têm mais facilidade para auxiliar os passageiros com problemas de atrasos e alterações de voos. Mas, não espere por milagres! Na realidade eles costumam oferecer algum suporte e um ambiente agradável.

Caso não consiga resolver a situação no aeroporto, contate a sua companhia aérea pelo telefone. Nestes casos, para evitar que você tenha que aguardar por horas para falar com algum atendente, tente os escritórios de sua companhia aérea no exterior, já que algumas crises podem ser tratadas regionalmente. Esta dica é interessante aos turistas que estejam visitando a Europa principalmente!

Para evitar os altos custos de uma ligação internacional, utilizar o skype pode ser interessante. E não esqueça do Twitter! De acordo com estudos recentes, as companhias aéreas costumam responder pelo menos a metade dos tweets em apenas alguns minutos. Se eles conseguem resolver os problemas ou não, já é um outro assunto! Por isso, apenas inclua este item como mais uma opção na sua lista de estratégias!

Conheça seus direitos

Saiba seus direitos

Importante ressaltar: cada país possui suas próprias regras para estes casos. Por isso, antes de sair de casa, pesquise como costumam operar as companhias de cada país que você visitará durante a sua viagem. Nos Estados Unidos, por exemplo, existe menos proteção ao passageiro do que no Brasil. Já para os turistas que pretendem visitar os países da União Europeia, as notícias são um pouco melhores, já que uma compensação financeira ao cliente é prevista em casos de atrasos de mais de 3 horas, cancelamentos ou overbooking.

Existem alguns pontos que você pode observar e que independem do destino da sua viagem:

Programas de Fidelidade: alterar o seu voo pode ser uma boa forma de resolver o seu problema, mas isso pode significar um custo bem alto! Existem algumas maneiras de se livrar destas taxas, uma delas é através dos programas de fidelidade das companhias.

Cartões de Crédito: solicitar o ressarcimento de um voo atrasado a uma companhia aérea pode ser uma grande perda de tempo! Os viajantes costumam esquecer que muitos cartões de crédito, especialmente aqueles ligados a programas de recompensas, geralmente oferecem proteção contra voos atrasados e cancelados quando são utilizados para a compra dos tickets. Por isso, vale a pena conferir quais vantagens o seu oferece!

Esperamos que nossas as dicas te ajudem a evitar os imprevistos tão comuns durante as viagens de inverno! Boa Viagem!  

Deixe o seu comentário, dúvida ou sugestão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

voltar ao topo