Frio Inverno Nova York

Nova York em Janeiro: clima, temperatura e como encarar o frio

Em janeiro de 2019, aproveitamos que já estávamos em Orlando e incluímos Nova York no nosso itinerário de viagem. Tínhamos um enorme desafio pela frente, afinal chegaríamos na Big Apple em um dos meses mais frios do ano e ainda não tínhamos experimentado nenhuma temperatura abaixo de zero em nossas vidas. Não sabíamos como seria a experiência e ficamos um pouco receosos, mas isso não nos impediu de conhecer a cidade em um dos períodos mais congelantes do ano. 
 
Frio Nova York

Ao desembarcarmos no JFK, um dos aeroportos da megalópole, a temperatura estava superagradável no interior do terminal. Porém, quando pegamos o celular para conferir o clima na parte externa, o susto foi grande: a previsão do tempo indicava  -7 °C com sensação térmica de -10 °C. Com medo de congelarmos, corremos para o primeiro banheiro que encontrarmos para vestirmos nossos casacos e todos os acessórios possíveis para garantirmos o aquecimento necessário. 

Frio NY

A dica mais importante é que você se vista em camadas! Não sabe o que é isso? Clique aqui! Colocamos a nossa segunda pele (blusa e calça) da Fiero, que retém o calor do corpo e evita a transpiração. Sobre esta primeira camada, usamos uma calça jeans, uma camisa comum e os Casacos em Lã Uruguaia da Fiero. Claro que não poderiam faltar as luvas, botas, gorro e cachecol da nossa querida marca para complementar nosso aquecimento.

Após todo esse preparo, enfim estávamos prontos para sair do aeroporto! Ao atravessarmos as portas, nos assustamos um pouco, afinal o frio era realmente intenso. Contudo, rapidamente o corpo se acostumou e ficamos confortáveis. No decorrer da viagem, utilizamos a técnica das camadas citada acima e, mesmo nos dias com temperaturas abaixo de zero, conseguimos visitar todos os pontos turísticos que tínhamos planejado! 

Frio Nova York Janeiro

Ah! Existem mais dois itens essenciais: protetor solar e balaclava. Dependendo da temperatura e da intensidade dos ventos e neve, o seu rosto pode queimar com o frio. E não é balela, queima de verdade!

Em relação à paisagem, nesta época você encontra árvores desfolhadas e lagos congelados. Não pense que isso não é uma boa notícia! Esta vegetação, especialmente em dias ensolarados, é garantia de fotos e vídeos incríveis para as suas recordações e redes sociais. A iluminação fica excelente e os cenários super charmosos!  

Assim, concluímos que o frio em Nova York no mês de janeiro é realmente intenso, com temperaturas negativas e, possivelmente, muita neve e paisagens congeladas. Mas a experiêcia pode ser incrível mesmo para os mais friorentos, desde que o turista esteja bem agasalhado e siga a técnica de se vestir em camadas que mencionamos neste post! Desejamos uma ótima viagem e, se tiver alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários, ok? 

Deixe o seu comentário, dúvida ou sugestão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

voltar ao topo